Perder peso aos poucos ou de uma vez?

03/05/2013 12:31

Estudo contesta a idéia de que devagar se vai longe quando se quer ficar em forma. E ainda revela que metas ambiciosas são mais úteis para emagrecer.

Cientistas da Universidade do Alabama, nos Estados Unidos, analisaram centenas de pesquisas sobre perda de peso ao redor do mundo e chegaram à conclusão de que muito do que se propaga no senso comum não tem fundamento. Ou seja, ainda não se tem evidências de que o emagrecimento lento e gradual apresente melhor resultado. Na verdade, dados indicam que é justamente o contrário.
Dois estudos sérios, o primeiro na Dinamarca, e o segundo nos EUA, por exemplo, mostraram depois de acompanhar pelo menos por um ano os voluntários, que as pessoas que haviam emagrecido rapidamente nas primeiras semanas tiveram mais sucesso em manter a forma do que aquelas que fizeram um programa de perda de peso durante meses. Diante da polêmica , alguns experta em obesidade preferem adotar cautela. Geralmente dietas que prometem eliminar peso em períodos curto são violentamente hipocalóricas. Isso pode ativar crises de ansiedade e e comportamentos compulsivos, entre outras coisas.
Existem muitas ideias loucas, descabidas e maléficas que até trazem resultados imediato a quem se propõe emagrecer para uma data especial, como um casamento. Ocorre, que se a pessoa não mudar alguns hábitos , vai recuperar os quilos tão rapidamente quanto os perdeu.
Uma idéia incontestável, para o estudo americano e especialistas, é que regime algum surtirá efeito em longo prazo se o indivíduo não mudar seu estilo de vida. É preciso aliar alimentação com a pratica de exercícios físicos. O que, ainda, falta é uma melhor formação aos médicos no que toca à necessidade de convencer os pacientes dessa transformação.

Mitos e verdades da balança

MITO
Pequenas mudanças na alimentação ou na queima de calorias se acumulam e ajudam a emagrecer.

Na realidade, o acúmulo não é eterno. Variações da massa corporal com o avançar da idade podem anular o efeito desses ajustes no dia a dia.

EM DÚVIDA
Tomar café da manhã todos os dias ajuda a emagrecer.

Não há pesquisas que comprovem nem que derrubem essa tese. Trabalhos feitos até hoje mostram apenas que quem leva uma vida saudável costuma fazer o desjejum regularmente.

VERDADE
Apesar de fatores genéticos influenciarem a perda de peso, a hereditariedade não é um destino.

Dados mostram que mudanças no ambiente e nos hábitos são tão eficazes para o emagrecimento quanto o uso de remédio.

MITO
Amamentação impede que criança engorde no futuro.

Não há provas de que o leite materno seja determinante para prevenir a obesidade do filho.

VERDADE
Programas que envolvam a família toda auxiliam a criança a perder peso.

A escola ajuda. Mas, o envolvimento de todo o círculo social é o mais importante.

EM DÚVIDA
O efeito sanfona aumenta o risco de morte.

As pesquisas só conseguiram mostrar, até o momento, que os níveis de mortalidade são menores entre aqueles que que mantêm o peso.

Fonte: Revista Saúde
 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!